Condutor de 89 anos morre em acidente no IC2

0
3672

Um homem de 89 anos morreu na manhã desta quarta-feira, 31 de Outubro, na sequência de uma colisão frontal entre o veículo ligeiro que conduzia e um pesado de mercadorias. O acidente ocorreu poucos minutos antes das 11h00 no Itinerário Complementar 2 (EN1/ IC2) na zona da Pelariga, na designada “recta do tinto”, concelho de Pombal.
De acordo com Paulo Albano, comandante dos Bombeiros Voluntários de Pombal, tratou-se de uma colisão frontal entre os dois veículos, seguida de despiste do pesado de mercadorias, que saiu para fora da estrada.
À chegada dos bombeiros, o condutor do automóvel ligeiro “já não apresentava sinais vitais”, tendo sido necessário o recurso a material de desencarceramento para retirar a vítima dos escombros do veículo.
Por sua vez, o condutor do veículo pesado de mercadorias foi transportado ao hospital com “traumatismos ao nível dos membros inferiores”, adiantou aquele operacional.
Nas operações de socorro estiveram envolvidos os bombeiros voluntários com duas ambulâncias, um veículo de desencarceramento e uma viatura de comando, bem como a Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), cujo médico declarou o óbito no local.
As causas e em que circunstâncias ocorreu o trágico acidente encontram-se a ser apuradas pelo Núcleo de Investigação Criminal a Acidentes de Viação da Guarda Nacional Republicana.

Partilhar
Artigo anteriorRENDALÍSSIMA | diferente da multidão
Próximo artigoEM LUME BRANDO | Tenho mesmo de comer frutas e vegetais?!
Ingressou no jornalismo, em 1989, como colaborador no extinto “Pombal Oeste” que foi pioneiro na modernização tecnológica. Em 1992 foi convidado a integrar a redacção de “O Correio de Pombal”, onde permaneceu até 2001, quando suspendeu a profissão para ser Director de Comunicação e Marketing de um grupo empresarial de dimensão ibérica. Em 2005 regressou ao jornalismo, onde continua, até aos dias de hoje, a aprender. Ao longo destes (largos) anos de actividade, atestados pelo Carteira Profissional obtida em 1996, passou por vários jornais, uns de âmbito regional e outros nacional, onde se inclui o “Jornal de Notícias” e “Público”. Foi convidado a colaborar, de forma regular, com o “Pombal Jornal” onde se produz conteúdos das pessoas para as pessoas.