Câmara investe 5,8 milhões em urbanismo e mobilidade

0
1431

Documento, aprovado pela Câmara e pela Assembleia Municipal, prevê várias obras de requalificação urbana e na área da mobilidade.

A Câmara de Pombal vai investir 5,8 milhões de euros, através de fundos comunitários, em obras de requalificação urbana e na área da mobilidade e transportes. O investimento surge no âmbito do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) do programa Portugal 2020, sendo que, dos 5,8 milhões de euros, 70% estão destinados à requalificação urbana do concelho. Entre as intervenções previstas no PEDU, objecto de atribuição de fundos comunitários, estão a reabilitação da Casa Varela, projectada pelo arquitecto Ernesto Korrodi (um milhão de euros) e da Casa onde viveu Carlos Alberto Mota Pinto (700 mil euros), e a requalificação urbana da Várzea (um milhão de euros). O Jardim das Laranjeiras, o Jardim do Cardal, várias vias rodoviárias e a margem esquerda do rio Arunca serão também alvo de requalificação, refere o documento de apresentação do plano.

Já na área da mobilidade, o executivo camarário liderado pelo social-democrata Diogo Mateus, prevê implementar um sistema de bicicletas de uso partilhado (‘bikesharing’) na cidade, criar uma rede pe
donal e ciclável no centro urbano e bolsas de estacionamento periférico. A Câmara Municipal prevê também requalificar a zona de interface de transportes, entre a estação dos cami
nhos ferroviários e a central de camionagem, e optimizar a rede de transporte público urbano, incluindo a implementação de um sistema de informação ao utilizador em tempo real.

Orlando Cardoso

Notícia publicada na Edição nº85, de 07 de Julho