Escritora de 12 anos solidária com Ajudanimal

0
463

A jovem escritora pombalense, Raquel Martins Ferreira, faz reverter parte das vendas dos seus dois livros para a Ajudanimal – Associação de Defesa dos Animais de Pombal.
Raquel Martins editou o seu primeiro livro “Os Contos da Raquel” aos nove anos de idade, reunindo pequenas histórias e desabafos do mundo colorido pelo olhar de uma criança. Mais recentemente publicou “A Quinta Falante”, no rol de muitos mais que já tem preparados.
Filha mais nova, com mais dois irmãos, a jovem sempre se pautou pela facilidade de comunicação e de expressão com os adultos. Criança criativa e de imaginação fértil, as suas histórias procuram sempre fazer pensar numa moral, em que o final é sempre feliz.
Quando for adulta, diz que quer ser cientista da natureza, daqueles que estudam os animais e as plantas, mas que quer continuar a escrever, pois a escrita é muito divertida.
A Ajudanimal, que receberá 5% do valor das vendas dos livros de Raquel Martins, é uma associação sem fins lucrativos cujo objecto social é a defesa e protecção dos animais, nomeadamente a criação de um abrigo para animais abandonados; recolha e tratamento de animais feridos, doentes ou em risco imediato; procura de novos donos para animais abandonados; desenvolver campanhas de sensibilização das populações (nomeadamente a escolar) para a defesa e protecção dos animais; cooperar com outros organismos estatais ou particulares; e, proceder de todas as formas ao seu alcance para a defesa e protecção dos animais.

Partilhar
Artigo anteriorNicolle Lourenço quer mais emprego para os jovens
Próximo artigoDA ILUSTRE TERRA DO MARQUÊS | Festas de Natal
Ingressou no jornalismo, em 1989, como colaborador no extinto “Pombal Oeste” que foi pioneiro na modernização tecnológica. Em 1992 foi convidado a integrar a redacção de “O Correio de Pombal”, onde permaneceu até 2001, quando suspendeu a profissão para ser Director de Comunicação e Marketing de um grupo empresarial de dimensão ibérica. Em 2005 regressou ao jornalismo, onde continua, até aos dias de hoje, a aprender. Ao longo destes (largos) anos de actividade, atestados pelo Carteira Profissional obtida em 1996, passou por vários jornais, uns de âmbito regional e outros nacional, onde se inclui o “Jornal de Notícias” e “Público”. Foi convidado a colaborar, de forma regular, com o “Pombal Jornal” onde se produz conteúdos das pessoas para as pessoas.