Vigilantes das florestas homenageados pela Junta de Vermoil

0
666

A Junta de Freguesia de Vermoil vai condecorar os voluntários que, entre 2006 e 2016, integraram as Brigadas Autárquicas de Protecção Civil daquela freguesia. A homenagem será feita no decorrer da cerimónia solene de abertura do Bodo das Castanhas, marcada para dia 28 deste mês, às 18h30.
Dos 61 voluntários distinguidos, 17 vão ser condecorados com uma medalha de grau ouro, 14 com o grau prata e 30 com o grau bronze, tendo por base o número de anos ao serviço das brigadas.

Com este gesto, a Junta de Freguesia presidida por Ilídio da Mota “pretende agradecer a todos os voluntários, reconhecendo a importância do trabalho realizado por todos eles, que têm um importantíssimo papel na vigilância da floresta, na sensibilização da população para os cuidados com a floresta, bem como na primeira intervenção”.
O resultado destes 10 anos de trabalho é uma área ardida “praticamente inexistente” na freguesia, revela o autarca, que destaca a inexistência de qualquer ignição em 2016.
Para além da vigilância das florestas no período crítico do Verão, Ilídio da Mota recorda o importante papel destas equipas aquando da tempestade Gong, a 19 de Janeiro de 2013, que, à semelhança do que aconteceu um pouco por todo o país, derrubou centenas de árvores que, por sua vez, cortaram inúmeras vias de trânsito na freguesia, “prontamente reabertas por estes voluntários”. O autarca enaltece também o trabalho “de extrema importância” realizado por estes homens aquando das cheias de Maio de 2011 e Outubro de 2006, “com socorro a muitas habitações inundadas e na desobstrução de vias”.
Ilídio da Mota destaca, em todo este trajecto, a “estreita colaboração” com os Bombeiros Voluntários de Pombal e com os GIPS da GNR, “que deram formação ano após ano e com quem cooperamos mutuamente. A eles se deve o sucesso destes voluntários”.