Eleição para a JSD Pombal adiada devido a empate

0
504

As eleições para a comissão política concelhia da Juventude Social Democrata (JSD) de Pombal vão ser repetidas devido a um empate nas votações que decorreram no passado sábado, 11 de Janeiro. A estrutura jovem partidária está a ser disputada por duas listas encabeçadas por Alexandre Santos e José Eduardo Sousa.

Alexandre Santos (Lista P) e José Eduardo Sousa (Lista J)

Ainda sem data para a realização do novo acto eleitoral, a lista J – Juntos por Pombal – liderada por José Eduardo Sousa, e que inclui Guilherme Neto (secretário-geral), André Tasqueiro, Cristiana Mendes e Filipa Portela (vice-presidentes) considera que é necessário “unir novamente a JSD Pombal, de forma a que possamos fazer aquilo que é a nossa missão: dar voz à juventude e contribuir para o futuro do concelho”.
Por sua vez, a lista P – Presentes pelo Futuro – encabeçada por Alexandre Santos, que se faz acompanhar por Suse Santos (secretário-geral), Bárbara Sousa e Gonçalo Neves (vice-presidentes), assume o “compromisso” de “consolidar o trabalho feito, aproximar e incluir os jovens, tornando-os parte integrante deste projecto”. “Pretendemos abrir a estrutura ao debate com outros agentes políticos, assim como ouvir a opinião de todos os jovens envolvendo-os na construção de um futuro comum”, adianta.
No entanto, os jovens social-democratas elegeram Nicolle Lourenço para presidente da Mesa do Plenário. A antiga líder da JSD Pombal, afecta à lista P, será acompanhada por Inês Santos (vice-presidente) e João Marques (secretário).

Partilhar
Artigo anteriorJoaquim Gameiro, Lda. assinalou 55 anos de uma história de sucesso
Próximo artigoSanto Amaro “é um dos eventos mais acarinhados pelos pombalenses”
Ingressou no jornalismo, em 1989, como colaborador no extinto “Pombal Oeste” que foi pioneiro na modernização tecnológica. Em 1992 foi convidado a integrar a redacção de “O Correio de Pombal”, onde permaneceu até 2001, quando suspendeu a profissão para ser Director de Comunicação e Marketing de um grupo empresarial de dimensão ibérica. Em 2005 regressou ao jornalismo, onde continua, até aos dias de hoje, a aprender. Ao longo destes (largos) anos de actividade, atestados pelo Carteira Profissional obtida em 1996, passou por vários jornais, uns de âmbito regional e outros nacional, onde se inclui o “Jornal de Notícias” e “Público”. Foi convidado a colaborar, de forma regular, com o “Pombal Jornal” onde se produz conteúdos das pessoas para as pessoas.