Associativismo cultural vai receber 12.500 euros

0
521

Na sequência das candidaturas apresentadas no âmbito do Regulamento Municipal de Apoio ao Associativismo Cultural, a Câmara Municipal de Pombal vai apoiar financeiramente vários promotores culturais e artísticos do concelho com uma verba global de 12.500 euros. A medida foi aprovada na última reunião do executivo, realizada no dia 30 de Outubro.

O Rancho Típico de Pombal (na foto) e o Rancho de Vila Cã vão receber, cada um deles, um apoio de 2.500 euros

Do montante aprovado, a maior fatia destina-se ao Rancho Folclórico de Vila Cã e ao Rancho Típico de Pombal, que vão receber, cada um deles, 2.500 euros, justificada por se tratarem de ranchos federados. Por sua vez, os ranchos não federados vão receber 2.000 euros cada, incluindo-se aqui a Associação Recreativa e Cultural de Pousadas Vedras, o Rancho Folclórico do Reguengo e o Centro Sócio-Cultural Recreativo e Folclórico da Charneca.
Fora do âmbito do folclore, mas ainda na esfera cultural, foi deliberado atribuir ao Centro Cultural e Recreativo de Vila Cã uma verba de 1.500 euros, destinado a apoiar as restantes actividades da colectividade, como a Confraria do Tortulho, Teatro Amador Infantojuvenil Teart’Cã e grupo de música tradicional Canta a Cuca.
Na mesma reunião camarária, o executivo aprovou, ainda, um outro apoio financeiro ao mesmo Centro Cultural e Recreativo de Vila Cã, no valor de 1.500 euros, para aquisição de um móvel/ roupeiro, considerado essencial para a boa organização do seu acervo.