Ansião mantém taxa reduzida de IMI e não vai cobrar Derrama em 2022

0
188

A Câmara Municipal de Ansião vai manter a taxa reduzida de Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) e não vai cobrar Derrama às empresas em 2022. Estas propostas foram aprovadas pela Assembleia Municipal, na sessão ordinária realizada no passado dia 22 de Novembro.

“A manutenção da taxa reduzida de 0,3% do IMI para prédios urbanos e a majoração de 30% para os prédios urbanos degradados (…) mantêm-se na linha do que tem vindo a ser aplicado desde 2018 e que tem resultado numa efectiva redução de 25% para famílias e empresas”, refere uma nota da autarquia, salientando que estas propostas foram aprovadas pela maioria dos deputados da Assembleia Municipal e por unanimidade pelo executivo camarário.

O Município de Ansião decidiu igualmente dar continuidade à medida de “não lançamento, no próximo ano, da Derrama, que incide sobre o lucro tributável das pessoas colectivas”. Esta decisão, que também mereceu o voto favorável da maioria dos deputados municipais, vem no seguimento da opção “tomada em 2020 face às penalizações que a pandemia impôs à economia local”, mas também “por se considerar que a actual conjuntura continua a apresentar diversas ameaças à actividade económica”, adianta a mesma nota.

“Estas medidas espelham a preocupação da autarquia em repor rendimentos às famílias e às empresas, medida consubstanciada em diversas decisões políticas como o Programa Municipal de Incentivo à Natalidade e Apoio à Família, o Apoio Extraordinário à Economia Local e o Regulamento de Concessão de Apoios Sociais aos Bombeiros Voluntários do Concelho de Ansião, ou ainda a iniciativa ‘Natal é no Comércio Local’, cuja segunda edição arranca esta quinta-feira (25 de Novembro), conclui a edilidade.