Especialistas debatem desafios e oportunidades do rio Arunca

0
614

Está marcada para este sábado, 3 de Dezembro, a primeira edição das Jornadas do Rio Arunca: Desafios e Oportunidades. A iniciativa, promovida pelo Município de Pombal, vai reunir um grupo de especialistas no Teatro-Cine de Pombal para debater os desafios e oportunidades do rio Arunca, afluente do rio Mondego que atravessa todo o território, percorrendo várias freguesias do concelho.
O objectivo é “melhorar o conhecimento, a articulação e a acção dos diversos intervenientes”, sejam eles proprietários de terrenos confinantes com o rio, Juntas de Freguesia, Município, entidades ou instituições, “em prol de uma melhoria contínua dos nossos rios e ribeiras, explica o município numa nota enviada à imprensa.
Os trabalhos têm início às 09h30 com a intervenção do presidente da Câmara Municipal de Pombal, Pedro Pimpão, seguindo-se a apresentação da “Estratégia Nacional de Reabilitação de Rios e Ribeiras (EN3R)” pelo director da Administração de Região Hidrográfica do Centro (Agência Portuguesa de Ambiente), Nuno Bravo.
Maria João Feio, do Centro de Ciências do Mar e do Ambiente (MARE) da Universidade de Coimbra, abordará “O estado ecológico dos rios portugueses e as principais condicionantes à preservação da sua biodiversidade”, enquanto Jael Palhas, investigador do CFE – Centro de Ecologia Funcional da Universidade de Coimbra, falará sobre “Vegetação aquática do Rio Arunca”.
Pedro Teiga, da empresa E. Rio, intervirá sobre “Reabilitação de Rios”, e Margarida Marques Teixeira, da Direcção Regional de Agricultura e Pescas do Centro, abordará “O sector agrícola no Vale do Arunca”.
A anteceder o período de debate e o encerramento dos trabalhos, o biólogo António Martins apresentará “Arunca: um rio de oportunidades”.
A participação é gratuita mas sujeita a reserva para o email: gavereadores@cm-pombal.pt.