Câmara de Pombal substitui árvores na cidade

0
3569
Medida é justificada pela autarquia com o estado de saúde das árvores e com algumas queixas de munícipes.

A Câmara de Pombal está a substituir as árvores na Rua 1º de Maio, em pleno centro da cidade. Em causa está o estado de saúde das próprias árvores e, também, responder a algumas queixas de munícipes.

Segundo informação prestada pela vereadora com o pelouro dos Espaços Verdes e Lazer, Catarina Silva, na reunião do executivo municipal, realizada nesta quarta-feira à tarde (15 de Fevereiro), aquela acção surge depois de, no passado, terem sido cortadas algumas das árvores que se encontravam “podres”. Este ano, a autarquia optou por retirar não só os exemplares que estavam, igualmente, sem vida, mas sim as restantes no sentido de serem substituídas por outras espécies.
É que à autarquia chegaram algumas “queixas” de munícipes, nomeadamente moradores na rua, devido à “sujidade” que as árvores provocavam. Designadamente com a queda dos frutos que, para além de sujarem a calçada, fazia com que algumas pessoas escorregassem e caíssem.
O vereador do Partido Socialista, Jorge Claro, que levantou a questão, reconheceu que a escolha daquelas espécies de árvores foi da sua responsabilidade, quando em 1990 era vereador da autarquia. “Eram árvores muito bonitas, mas reconheço que “sujam muito”, reconheceu.

Partilhar
Artigo anteriorEstão abertas as inscrições para o Mercado Medieval
Próximo artigoPeddy paper quer sensibilizar para violência no namoro
Ingressou no jornalismo, em 1989, como colaborador no extinto “Pombal Oeste” que foi pioneiro na modernização tecnológica. Em 1992 foi convidado a integrar a redacção de “O Correio de Pombal”, onde permaneceu até 2001, quando suspendeu a profissão para ser Director de Comunicação e Marketing de um grupo empresarial de dimensão ibérica. Em 2005 regressou ao jornalismo, onde continua, até aos dias de hoje, a aprender. Ao longo destes (largos) anos de actividade, atestados pelo Carteira Profissional obtida em 1996, passou por vários jornais, uns de âmbito regional e outros nacional, onde se inclui o “Jornal de Notícias” e “Público”. Foi convidado a colaborar, de forma regular, com o “Pombal Jornal” onde se produz conteúdos das pessoas para as pessoas. Foi convidado a colaborar, de forma regular, com o “Pombal Jornal”, quinzenário com o qual deixou de colaborar no final de Maio de 2020.