Abiul quer transformar ‘Celeiro dos Duques’ num museu interactivo

0
1053

A Junta de Freguesia de Abiul pretende transformar o ‘Celeiro dos Duques’, localizado no centro histórico da vila, num museu interactivo. O projecto está concluído e o arranque da obra está dependente do apoio da Câmara Municipal de Pombal.

O projecto está concluído, mas dependente do apoio da Câmara Municipal para o avanço da obra

A recuperação do ‘Celeiro dos Duques’ é uma das obras que a Junta de Abiul pretende iniciar e concluir no ano 2022. A empreitada, que representa um investimento na ordem dos 400 mil euros, será financiada em cerca de 90 mil euros por fundos comunitários, no âmbito de uma candidatura apresentada ao DLBC das Terras de Sicó. Daí “a urgência na obra, para não perder o financiamento”, salienta a presidente da Junta.
O ‘Celeiro dos Duques’ é um edifício secular que a Junta de Freguesia pretende transformar num “museu interactivo sobre a história da vila”, explicou ao Pombal Jornal Sandra Barros, adiantando que pretendem ainda construir ali “umas camaratas para os muitos caminhantes” que passam pela freguesia.
“Associado a este projecto, também vai ser publicado um livro sobre as personagens de Abiul e vão ser sinalizados alguns percursos pedestres, como por exemplo uma ligação pedonal entre a vila de Abiul e os moinhos das Corujeiras”.
“O projecto está concluído, mas estamos dependentes do apoio da Câmara Municipal para avançar com a obra”, frisou a autarca, constatando que, atendendo ao volume do investimento, “é muito difícil avançar apenas com fundos da Junta de Freguesia”.
A empreitada conta com um “apoio de cerca de 90 mil euros, que é apenas para a parte interior”, esclareceu Sandra Barros, convicta de que terá uma comparticipação do Município de Pombal para concretizar este “importante projecto” para a freguesia.

Carina Gonçalves | Jornalista

*notícia publicada na edição impressa de 16 de Dezembro