Abertas candidaturas a Residência de Estudantes

0
314
Residência de estudantes
A residência de estudante fica à entrada da Rua do Cais

Estão abertas, até ao próximo dia 13 de Setembro, as candidaturas para a Residência de Estudantes de Pombal, relativas ao ano lectivo de 2019/2020. A estrutura residencial destina-se a alunos que frequentam o ensino secundário e profissional nas escolas do concelho e que tenham idade mínima de 15 anos.
De acordo com a Câmara Municipal, “a formalização da candidatura é feita através do preenchimento de impressos próprios, que são disponibilizados pelos vários estabelecimentos de ensino do concelho e no Portal do Município”, devendo a respectiva documentação ser entregue no Fórum Munícipe ou remetida por correio para a própria autarquia.
A residência funciona em edifício propriedade do município, no centro histórico da cidade e tem uma capacidade para acolher oito alunos, em dois apartamentos de tipologia T2, com quatro vagas cada: um apartamento para rapazes e outro para raparigas.
“A Residência de Estudantes de Pombal representa um esforço do município para dar resposta à procura de alojamento para os alunos do ensino secundário e profissional e tem como objectivo a garantia da existência de condições para o cumprimento da escolaridade obrigatória, bem como a promoção da frequência do ensino no concelho”, refere a autarquia presidida por Diogo Mateus.

Partilhar
Artigo anteriorSantiago da Guarda dá a conhecer cultura, usos e costumes dos romanos
Próximo artigoCarriço inaugura estrutura residencial para 37 utentes
Ingressou no jornalismo, em 1989, como colaborador no extinto “Pombal Oeste” que foi pioneiro na modernização tecnológica. Em 1992 foi convidado a integrar a redacção de “O Correio de Pombal”, onde permaneceu até 2001, quando suspendeu a profissão para ser Director de Comunicação e Marketing de um grupo empresarial de dimensão ibérica. Em 2005 regressou ao jornalismo, onde continua, até aos dias de hoje, a aprender. Ao longo destes (largos) anos de actividade, atestados pelo Carteira Profissional obtida em 1996, passou por vários jornais, uns de âmbito regional e outros nacional, onde se inclui o “Jornal de Notícias” e “Público”. Foi convidado a colaborar, de forma regular, com o “Pombal Jornal” onde se produz conteúdos das pessoas para as pessoas.