Castelo de Pombal vive ‘Dias Templários’ com animações e recriações históricas

0
686

O Castelo de Pombal vai viver “Dias Templários” no fim-de-semana de 15 e 16 de Outubro. Trata-se de um evento que cruza a história e o património, sem descurar momentos de animação, entretenimento e conhecimento.
Durante os dois dias haverá espaço para a realização de diversas actividades enquadradas na temática, tais como a recriação de momentos históricos e animação de rua, refere uma nota da autarquia, destacando do programa um acampamento militar e civil, acampamento sarraceno, artes e ofícios, danças medievais, tiro com arco, bem como oficinas de esgrima, arquearia e falcoarias.
A iniciativa tem a chancela das associações Thomar Honoris, Turismo Militar e Ordem dos Pobres Cavaleiros do Templo de Jerusalém (Orlo Templum), que se aliaram ao Município de Pombal e à Associação de Desenvolvimento e Iniciativas de Pombal (Adilpom) para promover mais um certame que pretende dar vida ao Castelo.
Além disso, o certame visa contribuir para “aprofundar o conhecimento” sobre os Templários, contribuindo para a “valorização da herança templária em Pombal, nomeadamente o seu castelo, mandado erigir, entre 1156 e 1171, por Gualdim Pais, Mestre da Ordem do Templo”, destaca a edilidade.
De referir que o programa tem início às 14h00 de sábado (dia 15) com o cortejo solene pelo burgo e o hastear da bandeira no castelo. Após a recriação de alguns momentos históricos, acontece uma Tertúlia no Acampamento sobre Templários (16h00). As actividades diárias terminam às 21h30 com uma queimada galega.
Na tarde de domingo (16) voltam as recriações históricas e a animação de rua, que terminam com o arrear da bandeira como sinal de encerramento dos ‘Dias Templários’.

Carina Gonçalves | Jornalista