Palmeiras em risco por todo o concelho

0
1189

A Direcção Regional de Agricultura do Centro promoveu uma sessão de esclarecimento sobre o escaravelho da palmeira, no dia 20 de Novembro, respondendo a uma preocupação manifestada pelo Município de Pombal.

Os técnicos que participaram nesta sessão, além de apresentarem alguns dados evolutivos da praga, que atingiu tal dimensão que já é impossível contabilizar, alertaram para a necessidade de intervir logo que sejam verificados os primeiros sinais. Podem ser feitos tratamentos preventivos em situações de risco, tratamentos fitossanitários e biológicos nos primeiros sinais, ou mesmo abate em casos mais graves. Os restos devem ser destruídos, por forma a evitar a propagação.

Quem tenha conhecimento de plantas com sintomas suspeitos pode contactar a Divisão de Apoio à Agricultura e Pescas do Centro ou a Divisão de Urbanismo, Planeamento e Reabilitação da Câmara Municipal de Pombal. A acção destas entidades passa somente por dar informações quanto ao que pode ser feito, cabendo a sua aplicação aos proprietários.

SINTOMAS

-Coroa desguarnecida de folhas jovens no topo ou com aspecto achatado pelo decaimento das folhas centrais;

-Folhas do topo caídas com sinal de desigual inserção;

-Orifícios e galerias na base das folhas podendo conter larvas ou casulos com pupas e/ou adultos

-Folíolos roídos e desiguais;

-Presença de orifícios na zona de corte das podas;

-Restos de fibras.

Leia a notícia completa na edição impressa nº 45