Aprovada compra do terreno para o Polo Escolar Louriçal

0
805

O executivo municipal aprovou de forma unânime a compra de um terreno urbano de cerca de dois mil metros para construção do polo escolar do Louriçal, num investimento de 70 mil euros. Todavia, Adelino Mendes, vereador eleito pelo Partido Socialista, apontou o dedo à câmara pela morosidade do processo. “Andámos 4 anos para que a câmara adquirisse o terreno no Louriçal para ampliar o centro educativo e nunca o quis adquirir”, afirmou.

Em resposta, o presidente da câmara fez menção aos valores que haviam sido apresentados pela anterior junta de freguesia, que se situavam na ordem dos 160 mil euros. “O valor que foi apresentado pela junta de freguesia era um valor gigantesco, como aliás se veio a demonstrar”, defendeu-se Diogo Mateus, lembrando ainda a cor política do anterior executivo da junta. Assinalou ainda que estes processos são necessariamente morosos, uma vez que exigem vários procedimentos, desde a abordagem aos proprietários para compra dos terrenos, até à garantia de todas as condições legais para construção da obra.

Além de Louriçal, para o próximo ano está previsto o início da construção dos centros escolares de Vermoil, Pombal e Meirinhas, bem como a conclusão dos que já se encontram em construção, Almagreira e Mata Mourisca.