O Município de Pombal anunciou a abertura de oito vagas para estagiários no âmbito da nova edição do Programa de Estágios Profissionais na Administração Local (PEPAL), sem contudo ter informado quais as áreas abrangidas.
À semelhança do que tem acontecido em edições anteriores, o município tem vindo a aderir ao programa, “com o objectivo principal de permitir aos jovens ter uma primeira experiência profissional e, em particular, um primeiro contacto com a realidade da administração pública local.”
“Alguns dos jovens que realizaram os seus estágios na Câmara Municipal acabaram por ser integrados nos quadros, sendo uma mais-valia para os próprios, mas também para o município, que assim reforça os serviços com trabalhadores com experiência e conhecimento da realidade da autarquia”, refere a autarquia.
Segundo a edilidade, “os estagiários com habilitações ao nível da licenciatura (para os quais existem sete vagas) têm direito a uma bolsa mensal de 719 euros, enquanto os estagiários com curso técnico superior profissional (uma vaga) auferem de um bolsa de 610,06 euros. Em ambos os casos, acresce subsídio de refeição no valor de 4,77 euros/dia e seguro.”

Partilhar
Artigo anteriorIdoso em prisão domiciliária por agressão
Próximo artigoALVAIÁZERE | Festival do chícharo valoriza identidade do concelho
Ingressou no jornalismo, em 1989, como colaborador no extinto “Pombal Oeste” que foi pioneiro na modernização tecnológica. Em 1992 foi convidado a integrar a redacção de “O Correio de Pombal”, onde permaneceu até 2001, quando suspendeu a profissão para ser Director de Comunicação e Marketing de um grupo empresarial de dimensão ibérica. Em 2005 regressou ao jornalismo, onde continua, até aos dias de hoje, a aprender. Ao longo destes (largos) anos de actividade, atestados pelo Carteira Profissional obtida em 1996, passou por vários jornais, uns de âmbito regional e outros nacional, onde se inclui o “Jornal de Notícias” e “Público”. Foi convidado a colaborar, de forma regular, com o “Pombal Jornal” onde se produz conteúdos das pessoas para as pessoas.