Pombal perdeu atractividade para investir, visitar e viver

0
1593

Pombal surpreendeu pela negativa no ranking que dá a conhecer as melhores cidades para investir, visitar e viver. O concelho recuou nas três variáveis do Portugal City Brand Ranking e caiu 13 posições a nível nacional e quatro em termos regionais na tabela geral.

A maior queda foi no turismo. Neste sector, o território desceu 25 lugares, ficando na posição 88 entre os 308 municípios do país. A nível regional desceu sete posições, sendo agora o 23.º da lista. Para encontrar resultados piores, só recuando aos anos 2014 e 2015, em que o concelho ficou nas posições 89 e 97, respectivamente. Desde essa altura, Pombal tem vindo sempre a subir até à posição 63, que ocupava em 2019 (a última em que houve ranking).

Na tabela dos melhores concelhos para viver, Pombal caiu 15 posições, aparecendo no lugar 54 a nível nacional. Já no que toca à região Centro, desceu cinco lugares, ocupando agora a 12.ª posição. No que se refere às condições para viver, o concelho nunca ocupou uma posição tão baixa neste ranking. O melhor resultado foi obtido em 2016 (33.º lugar), mas no ano seguinte desceu logo 10 posições (43.º) e em 2018 e 2019 ficou nos lugares 37 e 39, respectivamente.

No que aos negócios diz respeito, este é o segundo pior resultado dos sete rankings. Em 2014, o concelho aparecia na posição 67, tendo vindo a ascender na tabela até ao lugar 46, obtido em 2019. Agora surge 12 posições abaixo a nível nacional. Em termos regionais aparece em 10.º, caindo três lugares.

Analisando o ranking geral, percebe-se que o 60.º lugar deste ano é o mais baixo conseguido desde 2014 e a queda de 13 lugares foi, claramente, a maior descida de sempre. Afinal, o concelho só recuou na tabela em 2017, quando desceu uma posição. Nos outros anos subiu sempre uma ou duas posições.

De referir que o Portugal City Brand Ranking analisa o desempenho das estratégias de marca dos 308 municípios portugueses nas áreas de turismo, negócios e talento com base em estatísticas relevantes para cada uma das áreas, pesquisas online realizadas nos principais motores de busca e desempenho online das plataformas e redes sociais oficiais.