Maria José Portela sucede a Paulo Delfim na liderança rotária

0
446

Maria José Portela assumiu, no dia 1 deste mês, a presidência do Rotary Club de Pombal, sucedendo a Paulo Delfim. A transmissão de mandatos decorreu alguns dias antes, a 21 de Junho, no restaurante O Manjar do Marquês, numa cerimónia que incluiu, também, a passagem de testemunho do Rotaract e do Interact, bem como o 35º aniversário do clube. A pretexto da comemoração desta data, Paulo Delfim recordou alguns dos marcos da acção rotária no concelho, ao longo deste período, mas foi para o trabalho realizado no decurso do mandato que o presidente cessante canalizou boa parte da sua intervenção, considerando que, “de uma forma geral, os principais projectos foram executados”. Um discurso onde foi enaltecido o apoio dos companheiros e recordado Víctor Varela Pinto, que faleceu em Outubro de 2018, ao fim de 33 anos de serviço à causa rotária, considerando ter sido uma “perda irreparável”. Como reconhecimento pelos serviços prestados ao clube e à juventude escolar, o Rotary Club de Pombal decidiu instituir uma bolsa de estudo com o seu nome, a atribuir a partir do próximo ano rotário. “Foi nosso objectivo ir ao encontro do salto qualitativo que o Rotary preconiza e cumprir o desafio que nos foi lançado: sermos a Inspiração”. Mas para a concretização destes objectivos, o presidente cessante não esquece o contributo e apoio dos companheiros, entregando lembranças a alguns deles na mesma cerimónia. Em matéria de reconhecimentos, e ainda antes das intervenções, Paulo Delfim distinguiu António Cordeiro com o título Paul Harris, atendendo à sua prestação “muito elevada” como cidadão e como companheiro rotário.
Já Maria José Portela, momentos após a transmissão de mandato, disse esperar “estar à altura das expectativas” dos companheiros, assumindo que irá “continuar o trabalho” que o clube tem vindo a realizar desde 1984. Além disso, é intenção da nova presidente continuar a colaboração com o município, com os patrocinadores de bolsas de estudo a alunos carenciados e com as palestras abertas à população. “O companheirismo é a base de um grupo sólido e, por isso, vamos continuar a desenvolver diversas acções nesse sentido. O foco vai continuar no aumento do quadro social e na aposta nos nossos jovens”, anunciou Maria José Portela.

__
Ao longo da última semana de Junho, o clube distribuiu electrodomésticos, equipamentos de primeira necessidade e material didático, num valor que ultrapassa os dois mil euros, por diversas famílias do concelho de Pombal, na grande maioria, desestruturadas. Os recursos têm origem no Fundo do Distrito Rotário 1970, em fundos próprios do Rotary Club de Pombal e do Rotary Club de Gonesse.