Cadetes avaliaram saúde na Aldeia dos Redondos

0
1252

A antiga escola primária da Aldeia dos Redondos foi o “posto de atendimento” dos Cadetes dos Bombeiros Voluntários de Pombal, onde fizeram o rastreio à hipertensão e diabetes a mais de quarenta pessoas.

No domingo, os jovens bombeiros da equipa de Cadetes deslocaram-se à sede da Associação Desportiva e Cultural dos Redondos e Carregueiro para colocar em prática alguns dos seus conhecimentos, avaliando a tensão arterial, o pulso e a glicémia, de mais de quarenta pessoas que responderam ao convite para este rastreio. “Já que ainda não podem sair como elemento apto numa ambulância, fazem estas acções de sensibilização à população”, esclareceu Josélia Pinto, bombeira e presidente da associação local há quase dois anos.

A direcção entendeu que seria uma iniciativa interessante, já que “temos uma população muito envelhecida e que necessita destes cuidados”, disse Josélia Pinto, fazendo um balanço muito positivo pela adesão da população das duas aldeias.

Lembrou que a associação tem feito outro tipo de iniciativas, não só na área da saúde, mas também em termos culturais e desportivos, procurando-se novas ideias e novos conceitos. Com a aproximação das eleições, que serão em Março, Josélia garante que “nem que seja noutro cargo, não quero deixar de pertencer à associação” e realça aquele que considera estar a ser um bom trabalho dos órgãos sociais. Assinalou ainda que o edifício onde está sedeada a associação foi alvo de obras de requalificação no ano passado, tornando-se mais apresentável e convidativo. “Nós agora vamos ter que o manter e temos obrigação de dinamizá-lo”, assume a presidente da direcção.

E porque não uma excursão a Pombal?

Josélia Pinto admite que, à partida, a ideia de fazer uma excursão com farnel a Pombal, parece insólita pela grande proximidade. No entanto, este é mesmo um dos projectos que a associação pretende levar a cabo num futuro próximo. “Temos excursões de idosos que vão a todo o lado e que talvez não conheçam Pombal”, refere, dando como exemplo o rico património existente na cidade e os próprios museus municipais.

Ana de Jesus

Notícia publicada na edição nº49, de 05 de Fevereiro