Sarau mostrou trabalho de jovens ginastas

0
2146

Dezenas de atletas do grupo de ginástica acrobática de Pombal, AcroPombal, mostraram aos familiares e amigos o trabalho que têm estado a realizar desde meados de Dezembro passado. O balanço do projecto, que já existe desde 2010, tem sido positivo.

Alguns ginastas pombalenses tornaram diferentes algumas horas do fim-de-semana dos familiares e dos amigos.”Fizemos este espectáculo para mostrar aos pais dos atletas o que eles fazem nas classes de formação. Pretendemos, também, angariar fundos para investir em material”, explicou João Simão, professor de ginástica acrobática, ao Pombal Jornal.

O grupo de dança ArtMovement abriu e encerrou o Sarau com músicas hip-hop diversificadas e cheias de ritmo. O evento que teve a duração de cerca de uma hora não deixou ninguém indiferente. No fundo, acabou por ser também um treino para o fim-de-semana passado, já que apenas com nota positiva é que os atletas podem continuar a treinar durante esta época. “O nosso próximo objectivo é o fim-de-semana, altura em que vai acontecer o apuramento para as provas internacionais. Esse fim-de-semana é essencial porque eles só podem prosseguir a época se tiverem nota positiva nesta prova”, referiu o professor de ginástica.

“O objectivo é chegar ao campeonato nacional”, acrescentou Simão. E já há datas para a prova: “em Maio vamos participar numa prova internacional que vai acontecer em Lisboa”, explicou. Daí a importância da frequência e do tempo dos treinos: quatro vezes por semana, três horas por treino, porque “a artística é complicada e só assim é que se consegue”, sublinhou o professor.

As idades dos ginastas são muito diversificadas: a partir dos seis, muitos são aqueles que lutam por um lugar no mundo da ginástica acrobática. “Tenho desde os infantis aos júniores”- os infantis têm entre seis e 12 anos, os iniciados entre os oito e 16, os juvenis entre os 11 e 12, os juniores entre 12 e 19 e os seniores dos 14 em diante.

“Foi em 2010 que integrei o clube, embora a modalidade exista já há 30 anos em Pombal”, declarou João Simão acerca do projecto a que se tem dedicado ao longo destes anos. “Quando saí do Núcleo e integrei o AcroPombal éramos cerca de 40. Hoje temos uma média de 120 atletas, e há alguns em lista de espera”, assegurou acerca do crescimento do clube.

O crescimento da AcroPombal traduz-se em sucessos: “no ano passado tivemos um terceiro lugar de um par masculino numa prova internacional.” Simão declarou ainda que todos os anos há tempo para a apresentação de um espectáculo final:”anualmente fazemos um grande espectáculo final, que será no pavilhão, com luzes e som e cerca de 100 atletas ao mesmo tempo”, finalizou.

Ana Isabel Mendes

Notícia publicada na edição nº50, de 22 de Fevereiro