Pombal regressa à época medieval para brindar a população

0
1817

Pombal vai regressar à época medieval, durante três dias, para assinalar o primeiro aniversário da reabertura do Castelo ao público.

“Vamos brindar todos os que nos visitarem, e em especial os pombalenses, com a segunda edição do Mercado Medieval”, afirma Ana Gonçalves, vereadora do Turismo da Câmara Municipal.

“Registámos a participação massiva dos pombalenses e sentimos o carinho e as saudades que os pombalenses tinham das vivências e das históricas deste monumento”, refere a vereadora, adiantando que “o artesanato e as tasquinhas vão também dar uma nova vida ao Castelo de Pombal e à sua envolvente”.

Nesta segunda edição, a autarquia alargou o espaço temporal da realização do evento, iniciando-o na sexta-feira, dia 10 de Abril. O objectivo passa por “potenciar a participação do público escolar que poderá, em grupo, visitar o Castelo e o Mercado, divertir-se com os jogos tradicionais infantis e assistir a várias encenações”, frisa Ana Gonçalves.

Para a vereadora, “a música, a dança, o torneio apeado e o espectáculo de fogo serão alguns dos atractivos da tarde e da noite de sexta-feira”.

Por outro lado, também a edição deste ano contempla um aumento da área do Mercado Medieval. “Será maior para permitir abarcar um número mais elevado de artífices, mercadores, artesãos e regatões”, refere a titular da pasta do Turismo do município, para adiantar que “todos os que visitarem o Castelo de Pombal serão surpreendidos por uma diversidade de animação”.

Ana Gonçalves espera que os pombalenses “aproveitem ao máximo estes três dias e três noites, de alegria e de convívio que o Castelo terá para oferecer”.

O Mercado Medieval assinala o primeiro ano da reabertura do Castelo ao público e é o primeiro de vários eventos que a câmara municipal irá desenvolver durante o ano no monumento. O programa prevê espectáculos de música, ginástica, dança, leitura, ateliers, ciência viva, entre muitas outras actividades.

Segundo Ana Gonçalves, o município faz um “balanço muito positivo” do primeiro ano de abertura do Castelo ao público. “De 13 de Abril a 22 de Março tivemos 21.250 visitantes, dos quais 12 por cento foram estrangeiros”, diz a vereadora, considerando ser “um número muito simpático e que potenciou bastante o turismo na cidade, registando-se um crescimento nas visitas aos museus municipais na ordem dos 30 por cento face a 2013”.

A abertura do Mercado Medieval está prevista para as 14 horas do dia 10, sexta-feira. Durante a tarde haverá animação musical, danças, jogos infantis e encenações, e às 21 horas um Torneio Apeado. A noite encerrará com um espectáculo de Dança do Fogo.

O dia seguinte, sábado, acordará com um cortejo medieval pelas ruas da cidade, e a tarde será preenchida com animação musical, danças da roda cristã, jogos infantis e encenações. Às 21 horas haverá Dança Suffi Emad e, mais uma vez, Dança do Fogo.

No terceiro e último dia do evento, a programa repete-se com animação musical, danças, passagem de garisos, jogos infantis e demonstração de esgrima medieval, para além de várias encenações. O Mercado “encerrará portas” às 22 horas depois de um espectáculo de Dança do Fogo.

ORLANDO CARDOSO

Notícia publicada na Edição n.º 53, de 02 de Abril