Café Concerto como “espaço de todos, para todos”

0
1417

O Café Concerto de Pombal comemorou o seu 12.º aniversário, numa noite florida e colorida, na qual também se assinalou a chegada da Primavera.

As doze primaveras do Café Concerto, comemoradas no dia 21 de Março, marcam também uma nova etapa deste espaço gerido pela empresa municipal PMUGEST, em que se pretende “diversificar o máximo possível a programação”, como enaltece Elisabete João. Esta aposta é feita, não só para chegar a todos os públicos e faixas etárias, mas também para perceber aquele que é o “verdadeiro público” do Café Concerto. Assumindo que este deve ser um “espaço de todos, para todos”, a administradora garante que o objectivo é criar “condições para todas as formas de expressão”, respondendo a lacunas “que não haja outro espaço que possa oferecer”.

Falando em programação, pretende-se que esta tenha um carácter regular e uma divulgação atempada, “para depois nós e os restantes tentarmos articular, de forma a Pombal conseguir não ter tudo nos mesmos dias”, refere Elisabete João, consciente que há muitas actividades que acabam por acontecer ao mesmo tempo.

Uma dos desafios continuará a ser a realização de algumas festas temáticas, como a “Flower Power” de aniversário, dado que têm merecido a adesão das pessoas. “São as festas que têm feito aderir um maior número de pessoas, porque as pessoas andam à procura de espaços diferentes, para se divertirem com coisas diferentes”, justifica Elisabete João. Mas não será este o único atractivo do Café Concerto, que pretende dar espaço aos artistas locais e continuar a receber iniciativas da comunidade, como é disso exemplo a reunião semanal do “Gang da Malha” ou algumas conferências e debates.

ANA DE JESUS

Notícia publicada na Edição n.º53, de 02 de Abril