Charneca recebeu novo ano em festa

0
918

A aldeia encheu-se de som, de cor e de luz para celebrar 2015, entre os dias 31 de Dezembro e 2 de Janeiro. Os festejos em honra de Santa Teresinha levaram centenas de pessoas à Charneca. Os festeiros falaram de “um balanço positivo”.

“Esta festa começou a ser feita em 1972”, explicou uma das organizadoras de 18 anos, Joana Venâncio. O objectivo principal seria o de “angariar fundos para a capela, porque apenas com a festa de Agosto, em honra do Sagrado Coração de Jesus, havia pouco dinheiro para movimentar”, completou Marta Mendes, 20 anos.

Angariar fundos que se destinam às obras na capela é, ainda hoje, um dos principais propósitos desta festa. Contudo, pretende-se que algum do dinheiro obtido reverta a favor dos Bombeiros Voluntários de Pombal ou de uma instituição de solidariedade social.

À semelhança do que tem vindo a acontecer nos últimos anos, a festa do fim-de-ano contou com a presença do artista Graciano Ricardo, que animou a madrugada da passagem de ano.

O primeiro dia do ano foi celebrado com popa e circunstância com a missa solene, acompanhada pelo coro “Traquinas da Charneca”, às 14 horas. Seguiu-se a procissão, a venda de fogaças e uma sardinhada animada pelos gaiteiros, ao longo de toda a tarde. A Banda Red, às 22h30 e o DJ NS, às 00h30 foram as estrelas da noite. Depois de um dia menos preenchido mas com uma noite igualmente animada, a Charneca, contou, no dia 2, com a presença dos “Só Ritmo” às 23h00 e com o “Dj Vito M” às 3h00.

Dani Mendes, Jorge Ferreira, José Longo, Alexandre Lourenço, Joana Venâncio, Joana Nogueira e Marta Mendes foram os organizadores do evento que, no fim, consideraram ter “uma boa adesão”.