‘Vale do Arunca’ garante médico a 9.500 utentes

0
1503

Atribuir médico e enfermeiro de família a 9.500 utentes é um dos objectivos da Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Vale do Arunca, que entrou em funcionamento a 1 de Fevereiro.

A nova organização agregou as Extensões do Centro de Saúde de Almagreira, Louriçal, Pelariga e Redinha.

Com aquela Unidade de Saúde será, ainda, “oferecida vigilância e promoção da saúde nas diversas fases da vida”, dizem os seus responsáveis.

Em termos de recursos humanos, a “Vale do Arunca” é constituída por cinco médicos, cinco enfermeiros e cinco assistentes técnicos, totalizando 15 profissionais.

“Para garantir uma maior acessibilidade, a UCSP funcionará das 8:00 às 20:00 horas, de segunda a sexta-feira. “Passa a existir um período de consulta de intersubstituição, diariamente das 14:30 às 17:30 horas, e abertas a todos os utentes da unidade, independente do seu médico de família ou da sua freguesia de residência”, informam os responsáveis.

Trata-se de uma consulta que permite atender todas as situações, médicas e de enfermagem, agudas e inadiáveis, quando o médico ou o enfermeiro de família estão ausentes, ou o utente não os tenha atribuídos. Funcionará em rotatividade pelas quatro freguesias.

ORLANDO CARDOSO (texto)

Notícia publicada na Edição de 18 de Fevereiro