Município é confrade de honra do Queijo Rabaçal

0
1631

A Confraria do Queijo Rabaçal vai entronizar o Município de Pombal como Confrade de Honra durante o XV Capítulo que decorrerá amanhã de manhã, sábado, no Salão Nobre dos Paços do Concelho de Pombal. Na cerimónia, integrada no programa da Sicó 2016 Produtos da Terra, serão entronizados, ainda, mais três confrades.

De acordo com João Paulo Guerreiro, Grão-Mestre Chanceler da Confraria, o programa do XV Capítulo “consiste basicamente na cerimónia oficial de entronização, desfile pelas ruas da cidade, almoço de confraternização e deslocação ao certame para dinamização da feira e contacto com os produtores locais para aferir dificuldades, oportunidades e possibilidades de cooperação por parte da Confraria.”

Criada há 15 anos, a Confraria do Queijo Rabaçal tem como principal objectivo promover os produtos endógenos, a cultura e o património da região de Sicó. Em especial o queijo Rabaçal, procurando apoiar os produtores de leite e do queijo, levando aquele produto junto das inúmeras confrarias gastronómicas em Portugal e no estrangeiro.

O XV Capítulo insere-se no evento Sicó 2016 que irá decorrer durante o fim-de-semana em pleno centro da cidade de Pombal e que engloba a XXVIII Feira do Queijo Rabaçal, o XXVIII Festival de Folclore da Serra de Sicó, a XVIII Mostra de Vinhos Terras de Sicó e a XII Mostra do Azeite e Mel da Serra de Sicó. Um certame promovido pela associação de desenvolvimento Terras de Sicó que integra os municípios de Alvaiázere, Ansião, Condeixa-a-Nova, Soure, Penela e Pombal.

Em pequenas casas de madeira, instaladas no Jardim do Cardal, estarão mais de 70 produtores – dos quais 14 são do concelho de Pombal – das terras de Sicó onde irão colocar à venda os produtos endógenos do território, como o Queijo Rabaçal, vinhos, azeite, mel, frutos secos, compotas, artesanato, entre outros.

Considerando que a Câmara de Pombal dedica o mês de Maio ao Marquês de Pombal, está preparada uma animação pombalina, com sete personagens a interpretarem quadros de rua trajados à época de Sebastião José de Carvalho e Melo.

Segundo o autarca de Ansião, Rui Rocha, que na passada terça-feira transmitiu a presidência da Terras de Sicó ao seu colega de Condeixa-a-Nova, Nuno Moita, o Sicó 2016 será um palco privilegiado para promover e valorizar os produtos do território Sicó, apesar do Queijo Rabaçal se manter como a “grande marca” que deu “identidade” ao certame.

A abertura do certame acontecerá às 15 horas de sábado, seguindo-se com uma degustação de produtos Sicó e Show Cooking, mas a abertura oficial acontecerá pelas 10:30 horas de domingo. Dia em que terá lugar o tradicional festival de folclore com a participação de grupos representativos de cada um dos seis concelhos.

Orlando Cardoso (texto)