Há um novo Cantinho na cidade

0
655

Um espaço pequeno e acolhedor, com uma decoração fresca e salpicada de pormenores interessantes, onde se podem saborear tapas deliciosas enquanto se ouve uma excelente selecção de músicas? O Cantinho mais agradável da cidade fica na Travessa do Cardal, nº19 e foi inaugurado no passado dia 21 de Novembro. Perfeito para um almoço rápido ou para petiscar qualquer coisa diferente depois de um dia de trabalho, também pode ser a escolha para um agradável jantar entre amigos.

A ementa é apelativa: durante toda a semana, os clientes podem optar por uma deliciosa sopa, pelo hambúrguer rústico, por filetes com salada mesclum, uma bifana de cebolada com pimento vermelho ou uma tosta à francesinha. Às terças e quintas-feiras, O Cantinho disponibiliza pratos do dia, que segundo Ondina Silva “podem ser de carne ou de peixe”, e menus que incluem “sopa, prato, bebida e café” a preços aliciantes. Às sextas, sábados e domingos, o jantar prolonga-se até às 02h00m. O Cantinho está sempre aberto à hora do almoço, durante a semana fecha às 20h00m e marca a diferença porque cativa desde o primeiro olhar, já que a proprietária procura “fazer uma boa apresentação” dos seus pratos.

Além do empratamento cuidado, o espaço inova em Pombal com o conceito de tapas, das quais se destacam as espetadas de mozzarella com cherry, o queijo gratinado com framboesas, brusquetas, pimentos padrón, filetes de biqueirão ou o tão português bacalhau com broa. A variedade de iguarias para degustar a preços acessíveis não fica por aqui, já que a doçaria não foi esquecida: “Costumo ter bolos caseiros e volta e meia faço os nossos chamados shots de doces, umas amostras de doce que podem ser de tiramisu, de mousse de limão ou outros. Costumo ter petit gateau também”. Junta-se a tudo isto um bom vinho, que pode ser servido a copo, e temos “um misto de café, bar e restaurante” num único espaço que disponibiliza uma ampla diversidade de respostas, já que o cliente pode escolher O Cantinho para almoçar, lanchar, tomar um café ou petiscar. Ondina Silva justifica a vasta abrangência do seu estabelecimento dizendo que “apostar no que já existe não valia a pena”.

Os proprietários são um casal de jovens pombalenses movidos pelo espírito empreendedor e pela paixão pela culinária. Jorge Garcia tem 32 anos e Ondina Silva tem 28.

Leia mais na edição impressa.