Ventos fortes atingem freguesia de Carnide

0
14001

Um fenómeno extremo de vento atingiu, ao início da tarde desta quarta-feira, 10 de Maio, algumas zonas da freguesia de Carnide, em Pombal. Segundo o Comando Distrital das Operações de Socorro de Leiria, foram atingidas cerca de 30 habitações e barracões, que ficaram destelhadas, assim como o estaleiro da Junta de Freguesia.
No entanto, os ventos fortes, que, segundo algumas testemunhas, terá durado “poucos segundos”, mas o suficiente para fazer “imensos estragos”, não provocou vítimas nem desalojados.
As rajadas de vento afectaram, essencialmente, as localidades de Valeirão, Vale das Moitas, e a sede de freguesia de Carnide. Há registo de várias habitações destelhadas, bem como o edifício da Extensão de Saúde e o estaleiro da Junta de Freguesia, para além da queda de algumas árvores.
Também a rede eléctrica sofreu alguns danos, o que forçou à intervenção dos técnicos da EDP para a respectiva reposição.
A situação foi acompanhada ao longo da tarde pelo presidente da Junta de Freguesia de Carnide, operacionais dos Bombeiros Voluntários de Pombal, serviços municipais da Protecção Civil, técnicos da EDP, militares da Guarda Nacional Republicana, tendo o presidente da Câmara Municipal de Pombal se deslocado ao local.

Partilhar
Artigo anteriorCâmara dedica o mês de Maio ao Marquês
Próximo artigoPombal recuou 110 anos para ‘inaugurar’ monumento ao Marquês
Ingressou no jornalismo, em 1989, como colaborador no extinto “Pombal Oeste” que foi pioneiro na modernização tecnológica. Em 1992 foi convidado a integrar a redacção de “O Correio de Pombal”, onde permaneceu até 2001, quando suspendeu a profissão para ser Director de Comunicação e Marketing de um grupo empresarial de dimensão ibérica. Em 2005 regressou ao jornalismo, onde continua, até aos dias de hoje, a aprender. Ao longo destes (largos) anos de actividade, atestados pelo Carteira Profissional obtida em 1996, passou por vários jornais, uns de âmbito regional e outros nacional, onde se inclui o “Jornal de Notícias” e “Público”. Foi convidado a colaborar, de forma regular, com o “Pombal Jornal” onde se produz conteúdos das pessoas para as pessoas.