Teatro Olimpo estreia nova peça

0
1623

O Centro Cultural de Ansião é palco, este sábado, a partir das 21h30, da estreia de “Nem Louco, Nem Morto”, a mais recente produção do Teatro Olimpo.

Com entrada livre, o espectáculo pretende também assinalar o 17º aniversário do grupo de teatro. A peça é uma farsa cómica satírica, construída a partir de textos de Raúl Brandão, cujo enredo gira em torno de um Governador Civil, símbolo do poder balofo e burocrático que afinal nada governa, frontalmente ridicularizado nesta peça, desde logo pela própria esposa e pelos seus mais directos subordinados. E é assim que, num rotineiro dia que até poderia ser igual a tantos outros, quando está a tentar escrever mais uma das suas fastidiosas poesias, criadas durante o horário de expediente, um Governador Civil recebe a visita de uma genial cientista, portadora de uma poderosa bomba, capaz de destruir tudo e todos, arrastando o político/poeta para uma verdadeira espiral de loucura.

Com raízes na Constantina, freguesia de Ansião, o Teatro Olimpo é fruto da reunião de um grupo de amigos. Com abrangência concelhia, o grupo cénico congrega, desde a sua origem, elementos de todas as freguesias do concelho. A qualidade e dinamismo do trabalho desenvolvido têm levado o agrupamento a actuar em vários pontos do país, contando já com passagem por mais de 80 municípios. O reconhecimento está bem patente nos prémios de dimensão nacional já conquistados, visando distinguir a qualidade dos seus actores, técnicos, figurinistas, cenógrafos e encenadores.

Já na esfera local, e tendo como palco o Centro Cultural de Ansião, o Teatro Olimpo orgulha-se de conseguir estrear pelo menos um espectáculo novo todos os anos.