Rotários já inauguraram escola na Guiné

0
583

A presidente do Rotary Club de Pombal, Elisabete João, esteve recentemente na Guiné-Bissau onde assistiu à inauguração da escola no Bairro de Quelelé, nos arredores da capital da antiga colónia portuguesa.

A obra resulta de uma parceria dos rotários pombalenses (Rotary, Interact, Rotaract e Casa da Amizade) com a Associação Afectos com Letras, instituição liderada por Joana Benzinho, natural de Pombal.

O novo estabelecimento de ensino, que vai servir 300 crianças do nível pré-escolar e básico, em dois turnos, ultrapassou o orçamento inicial de 15 mil euros – dez mil dos quais resultados de iniciativas levadas a cabo pela família rotária pombalense – e vai juntar-se a outros projectos promovidos por aquela organização não-governamental (ONG) que visa o desenvolvimento pela Formação, Saúde e Educação. Entre estes contam-se uma biblioteca pública e duas outras escolas, onde a “Afectos com Letras” assegura o pagamento dos professores e do material didático, apoio alimentar e cuidados de saúde primários a todas as crianças que frequentam aquelas escolas.

Nos dias em que esteve em Bissau, Elisabete João visitou as diversas obras lançadas por Joana Benzinho e mostrou-se impressionada com o que viu. “Visitei não apenas a escola de Quelelé, que ajudámos a construir e que se encontrava já na fase de acabamento, como também as outras que a Joana e os seus voluntários já edificaram naquele país, e foi impressionante ver a alegria do seu povo, que nos recebeu com os seus cantares tradicionais e nos envolveu em ambiente de grande festa”, lembra a presidente do Rotary de Pombal, considerando “indescritível” a “contagiante alegria e felicidade das crianças que nos envolveram e testemunharam a gratidão pela obra que ali tem vindo a ser construída pela associação liderada pela Joana Benzinho”.