Restaurante italiano, pizzaria, bar e esplanada: a nova vida do ‘Buda’

0
1070

Durante muitos anos foi um espaço de diversão noturna. Agora o mítico Buda Bar transformou-se num restaurante para apreciadores da cozinha italiana. O cardápio inclui pizzas, risotos, pastas e pratos tradicionais de peixe e carne. Depois do almoço e jantar, o espaço continua a funcionar, mas como bar.

Equipa do Ristobar

Os sabores italianos são a nova especialidade do ‘Buda’. O emblemático bar de Pombal foi transformado num restaurante de comida italiana, mas os clientes também podem vir só para beber uns copos e estar com amigos. Pizzas, risotos, pastas, pratos tradicionais de peixe e carne e ainda sobremesas são a nova especialidade da ‘casa’, que ao almoço e ao jantar serve refeições. Fora desse horário continua a funcionar como bar, que está aberto todos os dias (excepto à quarta-feira) até às 2h00 da madrugada.
O Buda RistoBar junta o melhor de dois mundos: um restaurante com boa comida italiana e um bar para beber uns copos, estar com amigos, dançar e divertir-se.
No restaurante, não há uma especialidade. “Todos os pratos são um pouco a nossa especialidade”, disse Paulino Marques, que já gere com o irmão Raul Marques os restaurantes Variante e Hell Bull.
Do Variante trouxeram a pizza de carne com molho de leitão, que “já é uma das nossas especialidades”. A essa iguaria juntam agora mais algumas pizzas e outros pratos italianos. Risoto de cogumelos, risoto de camarão, farfalle com salmão, pastas e pratos mais tradicionais como carré de borrego, ossobuco à milanesa, entre outros.
E se escolher o prato principal não vai ser tarefa fácil, optar por uma sobremesa não vai ser mais simples. Afinal, a carta apresenta uma lista de opções deliciosas que inclui panacota, tiramisu, zeppole di san Giuseppe (sobremesa típica italiana) e brownie cremoso de chocolate.
Os sabores italianos estendem-se também às bebidas. Além das bebidas tradicionais já servidas em qualquer restaurante ou bar, aqui a carta é enriquecida com “algumas bebidas típicas italianas, como grappa e cerveja italiana”. “Temos alguns produtos típicos italianos, mas também não podia ser de outra maneira”, constata Paulino Marques.
O cardápio só por si já marca pela diferença. Mas é ainda valorizado com a utilização de “produtos italianos de muita qualidade” na confecção dos pratos.
“A localização é mais um ponto a favor” do novo restaurante e bar: ocupa o espaço onde outrora funcionou o mítico Buda Bar, que “foi sempre uma casa carismática em Pombal, com bom nome e muita dinâmica”. E esse bom nome e dinâmica é para manter, assegura Paulino Marques, que está de regresso ao ‘Buda’, cerca de 20 anos depois de ali ter trabalhado.
“Agora surgiu a oportunidade de voltar e não pensámos duas vezes”. Neste local icónico de Pombal encontraram o espaço ideal para apostar num restaurante italiano, onde os clientes podem continuar noite dentro a beber, conviver e dançar.
O novo restaurante italiano de Pombal pode não estar à beira dos canais de Veneza, mas está virado para o rio Arunca. E é com vista para o rio que nasceu uma esplanada com cerca de 20 lugares, que funciona em simultâneo com o restaurante, onde são servidas as refeições. Já no exterior, os clientes podem tomar uma bebida enquanto dão dois dedos de conversa.
O Buda RistoBar está aberto todos os dias (excepto à quarta-feira) entre as 12h00 e as 02h00 da madrugada. Além dos pratos ‘a la carte’, durante a semana ao almoço há sempre dois pratos do dia para o tipo de clientela que procura o prato do dia não só pelo preço, mas também pela rapidez. Por enquanto e até ao final do Verão, esses pratos do dia são escolhidos do menu. “O objectivo é divulgar a nossa carta”. A partir do Outono, ao almoço de segunda a sexta-feira serão servidos pratos diferentes, um de peixe e outro de carne. O objectivo é “aumentar a variedade e enriquecer a carta”.

*Notícia publicada na edição impressa de 21 de Julho