Requalificação do interface de transportes lançado a concurso

0
1076

O Município de Pombal aprovou a abertura de procedimento com vista às obras da 1ª fase de requalificação da zona de interface de transportes. Recorde-se que este é um projecto arrojado que motivou várias críticas da oposição e do vereador Pedro Brilhante, que votaram contra o mesmo. Em causa estaria, sobretudo, a construção de uma passagem superior sobre a linha de caminho de ferro, ligando o Jardim do Cardal à Central de Transportes Rodoviários, que encarece muito o projecto. Em Agosto, Diogo Mateus anunciou que as obras se iriam repartir por duas fases, adiando a construção da passagem superior. Na última reunião de câmara, foi aprovado o lançamento do concurso para a primeira fase, que terá um custo estimado de 3.235.002,46€ acrescido de IVA. O prazo de execução é de 540 dias. No momento da votação, apenas o vereador Michael António se pronunciou, manifestando que iria votar contra a proposta pelos motivos que já havia enumerado quando o assunto foi discutido no verão. Nessa altura, lembre-se, o vereador até manifestou que o projecto lhe agradava mas que não poderia votar a favor do mesmo porque “foi apresentado à pressa e os pombalenses não foram chamados à discussão”.
Durante a reunião de câmara foi também aprovada a adjudicação das obras de requalificação do estacionamento da Praia do Osso da Baleia. A obra terá um custo de 374.269,20€ e tem como objectivo resolver a organização rodoviária, criar mais estacionamentos e criar assombreamento de protecção natural. Inclui ainda a construção de passadiços e terá um prazo de execução de 120 dias.
Foram ainda adjudicados os trabalhos de substituição das coberturas da Escola Gualdim Pais, que contempla a remoção do amianto, por 155.330€ (mais IVA) e um prazo de execução de 90 dias. Esta empreitada deverá ter financiamento comunitário a 100 por cento. Segundo o presidente de câmara, vai melhorar as condições em termos de saúde mas também ao nível do isolamento térmico. O Município aprovou também as adjudicações das obras de requalificação da Rua Principal, na Ranha de Baixo, por 366.770,84€ e de beneficiação e remodelação do Reservatório do Ourão, por 283.233,90€.

*Notícia publicada na edição impressa de 17 de Dezembro