PINHAL INTERIOR | 2,4 milhões de euros dão vida a projectos de inovação social

0
234

Dezassete projectos de inovação social estão em desenvolvimento, no âmbito de um concurso excepcional do Portugal Inovação Social aberto após os incêndios de 2017, em 15 municípios do Pinhal Interior. O investimento ronda os 2,4 milhões de euros, anunciou Filipe Almeida, presidente da estrutura de missão Portugal Inovação Social, durante a sessão de apresentação que decorreu, a 19 de Dezembro, em Ansião.

Filipe Almeida, presidente da estrutura Portugal Inovação Social, com os locutores da Rádio Miúdos

“Este concurso específico nasceu da intenção do Governo de trazer respostas inovadoras e preventivas para aquele território, mobilizando competências criativas da sociedade civil em conjunto com os municípios”, salientou o presidente da estrutura, enquanto revelava que os 17 projectos desenvolvem “26 entidades, maioritariamente instituições particulares de solidariedade social, associações ou misericórdias”, sendo “apoiados pelo programa em 1,7 milhões de euros”.
Os restantes 700 mil euros são financiados pelos municípios, empresas, fundações e outras entidades, explicou Filipe Almeida, na sessão de apresentação que decorreu no Centro Cultural de Ansião, com a presença dos secretários de Estado da Valorização do Interior e do Planeamento.
“O concurso tinha inicialmente um montante de um milhão de euros, com 70% de financiamento aos projectos, mas recebemos 29 candidaturas para um total de investimento de 3,6 milhões de euros”, disse o responsável, esclarecendo que os “projectos em fase de execução distribuem-se pelas áreas da Educação, Emprego, Inclusão Social, Protecção Social e Saúde”.
“O objectivo é revitalizar o Pinhal Interior, através do combate ao isolamento, criando laços de cidadania, melhorando as condições de saúde, com projectos, todos eles, com elevado potencial para melhorar a qualidade de vida das pessoas e ajudar na fixação de gerações mais jovens”, frisou Filipe Almeida.
Para o presidente da estrutura de missão Portugal Inovação Social, os projectos em curso apresentam “respostas inovadoras e específicas aos problemas e necessidades do território” do Pinhal Interior.
De recordar que o referido concurso foi lançado em Janeiro de 2019 como parte do Programa de Revitalização do Pinhal Interior, tendo em vista o reforço das acções de desenvolvimento do território, criando incentivos à implementação de iniciativas orientadas para a resolução dos seus desafios sociais específicos. Os projectos aprovados estão já em fase de execução por 15 dos 19 municípios do Pinhal Interior: Alvaiázere, Ansião, Arganil, Castanheira de Pera, Figueiró dos Vinhos, Lousã, Mação, Miranda do Corvo, Oleiros, Oliveira do Hospital, Pampilhosa da Serra, Pedrógão Grande, Penela, Tábua e Vila Nova de Poiares.