Paulo Delfim é o novo presidente do Rotary Clube

0
1844

Com o presidente do ano rotário 2017-18, Pedro Mendes, a passar o testemunho ao seu sucessor, Paulo Delfim, a cerimónia de transmissão de tarefas do clube rotário pombalense decorreu no dia 7, na presença de dezenas de rotários, não só do clube de Pombal mas também de clubes de distritos vizinhos.

O novo presidente, Paulo Delfim, tomou posse e apresentou a sua equipa para o Ano Rotário 2018/2019, constituída por António Cordeiro (1.º Vice-Presidente), Vítor Costa (2.º Vice-Presidente), Nelson Pedrosa (Secretário), Gabriela Cordeiro (Tesoureira) e Albano Carreira (Protocolo).
“Volvidos 12 anos, aqui estou para servir novamente o clube como presidente”, admite o economista, esperando “estar à altura da confiança que os meus companheiros depositaram em mim, quando me escolheram para este cargo”, e promete “dar o meu melhor para que, no fim deste Ano Rotário, todos possamos dizer que valeu a pena”.
Paulo Delfim aproveitou a cerimónia para fazer um retracto do concelho: “Em Pombal, somos pouco mais de 40, englobando os 3 clubes”, no entanto “temos de ser mais, muitos mais, pois só assim poderemos ser representativos da sociedade a que pertencemos e, consequentemente, ir ao encontro das necessidades dos que nos estão mais próximos”, para isso “temos de continuar a servir a nossa comunidade”, apelou, frisando que “temos de continuar a trabalhar e fazer projectos diferenciadores, sustentáveis e estruturantes”.
“É um facto que temos de fazer mudanças sérias e profundas na forma de fazer Rotary, pois temos de ser ainda mais atractivos, mobilizadores e fazedores”, sendo que “a união de esforços, a pluralidade de opiniões e a abertura de espírito são ingredientes essenciais para termos um clube forte, actuante e consequente”. Para isso, Paulo Delfim acredita que “os nossos clubes de jovens (Interact e Rotaract) são determinantes para chegarmos mais perto da comunidade”, uma vez que “eles são a acção e a interacção necessária para que o nosso serviço seja eficaz”.
A pensar no ano rotário que agora se inicia, o recém-empossado, garante que “continuaremos a dar o apoio ao Núcleo Rotary de Desenvolvimento Comunitário – Reconstruir na conclusão das acções de reconstrução de casas no pinhal interior”, e “manteremos vivo o projecto de atribuição de bolsas de estudo através da Fundação Rotária Portuguesa, com o apoio do Município de Pombal e de diversas empresas do nosso concelho” e também, a nível distrital, “daremos contributos de diversas formas: Entre elas, a primeira será a organização, em Pombal, de um RYLA (Prémio Rotário de Liderança Juvenil), entre os dias 4 e 7 de Outubro, destinado a jovens profissionais dos 22 aos 26 anos e subordinado ao tema ‘coaching’”.
Estas são as principais linhas de acção do clube para este Ano Rotário, “um ano em que se pretende ir ao encontro do salto qualitativo que Rotary preconiza”, e realça que “nos últimos anos, temos evoluído muito, para melhor”.
Assim, é sua intenção continuar a promover o ideal de Rotary através de acções inovadoras, e também dar seguimento às actividades que já pertencem à agenda anual do Clube, e é também nesta lógica que foi definido o lema deste Ano Rotário: “Seja a Inspiração”. Na noite festiva foi ainda acolhidos oficialmente mais um ‘companheiro’, emblemado na cerimónia de transmissão de tarefas.

Partilhar
Artigo anteriorCâmara convida a observar morcegos no castelo
Próximo artigoRENDALÍSSIMA | 5 passos para um look perfeito
Nasceu em 1985, estudou Comunicação Social na Escola Superior de Educação de Coimbra e participou num curso de formação em Jornalismo e Crítica Musical. Passa os dias a ouvir música, adora assistir a concertos e sonha viajar pelo mundo com uma mochila às costas.