OPINIÃO | 25 de abril em Pombal

0
846

Olhando para o site e página de facebook da Câmara Municipal de Pombal, dá a sensação que este fim-de-semana é perfeitamente comum, parece que nada acontece de importante. Pouco ou nada há do Município a assinalar a data mais importante da nossa democracia e isso, caros Pombalenses, deve preocupar-nos.

É certo que estamos em estado de emergência, mas há alternativas para isso. Não acho normal esta data não se assinalar com concertos (que podem ser online como outras câmaras aqui à volta fizeram), leituras de poesia, debates, discursos, o que quer que seja. Assim parece apenas que a pandemia serviu de desculpa para reduzir a um mínimo ridículo (deposição de uma coroa de flores) as comemorações do 25 de Abril.

Gostava de acreditar que é mentira mas a ideia que dá é que o PSD de Pombal não gosta do 25 de abril. Isso é manifestamente estranho porque tenho a ideia que a larga maioria das pessoas que simpatizam com o PSD gostam do 25 de abril, porque esta data não é da esquerda nem é da direita, esta data é de todos os Portugueses.

Se eu estiver enganado como espero e se o PSD Pombal gosta do 25 de abril, então poderemos concluir que o PSD Pombal não tem qualquer tipo de influência na liderança de Diogo Mateus. Se assim for, então nas próximas eleições autárquicas os simpatizantes do PSD podem votar noutro partido qualquer, visto que quem quer que elejam não estará adstrito a nenhuma opinião do partido.

Não podemos tolerar que o dia em que conquistámos a liberdade de expressão e pensamento seja escondido pela autarquia, seja por que motivos for, e muito menos por motivos de mesquinhez ideológica.

O dia seguinte em Pombal está cada vez mais perto, haja quem o agarre.

 

Raul Testa

Jurista