Mais de cem pessoas no topo da Sicó

0
819

A primeira edição da Festa da Cuca levou mais de uma centena de pessoas ao topo da Serra de Sicó no passado Domingo. À missa seguiu-se o almoço e a música ao vivo.

O presidente da Associação Cultural e Recreativa Sicoense, Rogério Martins, explicou que o objectivo desta iniciativa é “em primeiro lugar, tentar reanimar uma festa que havia há muitos anos”. O dirigente, com 57 anos de idade, afirma que os seus avós já marcavam presença nesses festejos que se realizavam sempre por altura da Quinta-feira da Ascensão, que se comemora 40 dias após a Páscoa. Talvez a festa tenha deixado de existir porque “o bairrismo vai acabando”, mas “para além de tentar reavivar a tradição, o outro objectivo prende-se com a preservação da Cuca [uma planta com flor rosada que surge entre as pedras e que se encontra com cada vez mais dificuldade na Serra de Sicó] e de outras espécies que temos aqui na Serra”, declarou Rogério Martins.

Continue a ler na edição impressa nº 32