‘M1lhão’ cantou à porta de 25 felizardos do Louriçal

0
786

Foi uma sexta-feira 13 de sorte para a sociedade de 25 apostadores dos Jogos Santa Casa da zona do Louriçal. É que o “M1lhão” bateu-lhes à porta e agora esperam que a sorte continue a bafejar o grupo que não esconde a sua felicidade.
O bilhete premiado com um milhão de euros foi registado no Café Freitas, em pleno centro da vila do Louriçal. O proprietário contou ao nosso jornal que logo após o sorteio do concurso, o segundo do ano, telefonaram-lhe da Santa Casa a dar-lhe os parabéns. É que o talão com o código JVZ31702 foi extraído na máquina instalada no seu café. José Freitas mal imaginava que aquele boletim estava, afinal, na sua posse.
Só no sábado de manhã é que o empresário, ao “passar na máquina” os boletins de apostas referentes a uma sociedade, à qual também pertence desde há alguns anos, verificou que estava ali o prémio milionário. “Comuniquei logo aos meus colegas que ficaram todos muito felizes”, afirmou, acrescentando que o prémio “vai fazer bem a muita gente”. “Está muito bem entregue”, realçou.
Apesar de a sua agência já ter registado vários prémios, José Freitas sublinha que a sociedade a que pertence “já anda a apostar há muito tempo”. “Agora pode ser que a sorte nos continue a bater à porta e nos saiam mais prémios”, frisou.
Refira-se que o “M1lhão” é um prémio com o valor fixo de um milhão de euros, atribuído automaticamente aos apostadores portugueses do Euromilhões das sextas-feiras.

Orlando Cardoso