Empresário alvejou a tiro empregada de 20 anos e encenou assalto

0
744

Um homem de 63 anos, proprietário de uma oficina de reparação de estofos, localizada junto ao IC2, no Tinto (Pombal), foi detido pela Policia Judiciária por suspeita da prática de um crime de homicídio qualificado, na forma tentada. A vítima é uma jovem de 20 anos, contratada por si há cerca de dois meses.
Os factos remontam à hora do almoço da passada terça-feira, como tendo ocorrido um assalto à mão armada por um indivíduo de etnia cigana que, durante a negação da entrega de dinheiro, terá disparado uma arma caçadeira, atingindo a jovem numa perna. Devido à gravidade dos ferimentos, teve de ser transportada para os Hospitais da Universidade de Coimbra.
No entanto, a investigação da Polícia Judiciária concluiu uma versão diferente e no mesmo dia à noite deteve o estofador, residente no concelho de Soure.
Desde que o empresário contratou a funcionária, o mesmo andava obcecado pela jovem, assediando-a sexualmente. Porém, não aceitando aquela situação, a rapariga decidiu apresentar a sua demissão, dando origem a uma discussão entre os dois, que acabou com o empresário a ir buscar uma arma e disparado sobre a jovem, atingindo-a numa perna.
A vítima conseguiu impedir que o homem voltasse a disparar, tendo sido acordado entre os dois um plano de assalto, que acabaram por relatar às autoridades.
No entanto, abordada pelos inspectores no hospital, a rapariga acabaria por revelar em que circunstâncias ocorreram os factos, tendo o homem sido detido pouco depois.
O suspeito, casado e residente em Soure, foi presente esta quinta-feira ao tribunal para primeiro interrogatório judicial.

Orlando Cardoso