Xadrez alia-se à cultura em mais uma edição do Open Internacional Marquês de Pombal

0
495

A cidade de Pombal volta a receber o Open Internacional Marquês de Pombal e Torneio Jovem. O evento que conta já com nove edições realiza-se, à semelhança do que tem vindo a acontecer, no último fim-de-semana de Outubro, entre 26 e 28.
Mas não é só de xadrez que falam as actividades desenvolvidas pela Secção de Xadrez Oficina Criativa – Fabrikarts. A preocupação tem passado por aliar a modalidade a outras expressões artísticas, tal como aconteceu, por exemplo, na última edição do Open Internacional Marquês de Pombal. Jorge Barrento, promotor do evento, afirma que “estão em marcha vários projectos com o intuito de juntar sinergias entre vários actores da vida cultural do concelho”, onde o xadrez é também parte integrante. “Como pombalense, sinto que temos o dever de tentar deixar algo aos nossos filhos, dando-lhes oportunidade de desenvolverem aptidões em áreas que os aliciem e às quais, de outra forma, não têm acesso”.
Assim, o objectivo “é que se desenvolvam projectos individuais e em conjunto”, nomeadamente na área da pintura, fotografia, letras e música, adianta aquele responsável. Além disso, “o projecto quer dar continuidade aos torneios internacionais, torneios boémios, centro de estágio de alto rendimento, palestras e tertúlias de xadrez”, e o responsável aposta o evento deste ano como de “revolução cultural”, onde se unem “as mais varias formas de arte, em especial os artistas locais”, cuja “qualidade é de excelência”. Desta forma, a organização preparou um leque de actividades
Assim, e dentro da temática “Conhecer Pombal à boleia de um xeque-mate”, estará patente ao público uma exposição do artista plástico Aquilino Ferreira, e que posteriormente vai agraciar o primeiro classificado do evento com uma obra da sua autoria, concertos com Barbara Sousa, Ricardo Grácio, Luís Martins com os alunos das Musicool, e o pombalense Leonel Mendrix veste a pele do Rapaz Improvisado, espectáculos de dança também estão contemplados no programa e interpretada “pelos magníficos jovens da Fabrikarts”, e poesia por Nelson Lobo.
Ainda na mesma temática, o Mestre FIDE Francisco Veiga, de apenas 14 anos, vai ser premiado com uma pintura produzida pela artista local, Lídia Carrola.
Todos os participantes do Open Internacional Marquês de Pombal e Torneio Jovem vão levar para casa várias recordações ligadas à cidade, uma vez que a organização preparou um ‘cabaz’ recheado de produtos endógenos, onde se destacam as obras de artes e de literatura produzidas por artistas locais, cerveja artesanal, cd’s de música, iguarias regionais, e perfumes. “Todos os foram oferecidos por vários estabelecimentos comerciais, e empresas, do concelho”, uma opção da organização que tem, mais uma vez, como objectivo “mostrar o que de melhor se produz na nossa região.
As inscrições, para participação no evento, devem ser efectuadas até às 23h00 de 25 de Outubro, sendo que se aceitam inscrições de última hora no local de jogo, até às 13:00 horas desde que não perturbe a organização. Para os interessados em aprender mais sobre este jogo milenar ou em participar no Open Internacional e Torneio Jovem, podem contactar os responsáveis pelo projecto através dos e-mails oficinacriativa.pbl@gmail.com, jorgebarrento@gmail.com, ou telefonicamente (919 850 373).