RENDALÍSSIMA | summer body

0
803

Há alguns dias, alguém me fez lembrar de como houve tempos em que detestava ir à praia com outras pessoas que não os meus familiares mais próximos ou os meus amigos mais chegados. Foi uma cliente a quem fiz uma sessão de Personal Shopping na semana passada, uma daquelas clientes fiéis com quem o trabalho não soa a obrigação. O objectivo daquela tarde era encontrar alguns modelos para que pudesse ir de férias sem inseguranças, já que o facto de ter sido mãe há cerca de um ano e de não ter ainda recuperado as suas antigas formas, fragilizou-a. Dizia ter pudor em estar na praia com todos os casais amigos com quem ia viajar, sentir-se exposta e ter medo de não conseguir aproveitar a semana com toda a leveza, descontracção e diversão com que gostaria. Apesar de ainda não ter vivido a experiência da maternidade, também já me senti assim e apesar de parecer um assunto menor, sei que o impacto deste género de complexos pode ser avassalador.

Todas as mulheres vivem com as suas inseguranças físicas: as pernas grossas, o pneu que não desaparece, a celulite, o peito descaído, a flacidez. Tantas razões como corpos no planeta. Até a Gisele terá as suas. É normal, está tudo bem. Mas que isso nos motive a amar-nos mais um bocadinho, a querer investir em nós e a construir aquele cliché tão verdadeiro – a melhor versão de quem somos.

Não se enganem, este tópico não é exclusivamente feminino; também os homens gastam tempo com este género de preocupações. Não são poucos os que me confessam a falta de confiança que sentem em pisar o areal porque o “corpo de Verão” ainda não chegou. A minha resposta é invariavelmente a mesma: o “corpo de Verão” é aquele que nos permite desfrutar do melhor da estação.

Querem outra verdade de La Palice? É que este tipo de angústias pede mesmo que relembre que estando vivos e com saúde, já temos um corpo para o ano inteiro! Com mais ou menos quilos, com mais ou menos firmeza, o que interessa é que o nosso estilo de vida esteja de acordo com os objectivos que temos e que não deixemos de aproveitar a época balnear porque a pessoa da toalha ao lado pode vir a reparar naquela estria (o mais provável é que esteja concentrada nas suas próprias varizes, acreditem!). Aos poucos, com a ajuda de todos os cuidados que existem ao dispor de quem pretende alterar o seu corpo para que este lhe agrade mais, hão-de sentir-se melhor relativamente à vossa imagem. Invistam em vocês próprios: ginásio, corrida, alimentação cuidada, tratamentos de estética… há tantos recursos disponíveis para melhorar a forma como se sentem ao olhar para o espelho que só por total ausência de vontade não faríamos uso deles.

E se parecer assim tão complicado vestir um fato de banho para se sentirem tão agradáveis à vista como confortáveis na praia ou na piscina, além de seguirem as dicas que partilho hoje convosco, marquem uma consulta com quem pode garantir-vos e demonstrar-vos que é possível tirar o melhor partido das vossas formas. Quem? Eu!

1) tamanho | NUNCA use um biquíni ou fato de banho apertado.

 

2) cai-cai | Se tem as ancas mais largas que os ombros, aposte num soutien cai-cai, porque este cria uma ilusão de largura na parte superior do tronco. Este modelo é perfeito para quem quer aparentar ter um peito maior.

 

3) cintura subida | Ideais para não marcar gordurinhas na zona da cintura e da barriga.

 

4) folhos | Aumentam a zona onde se encontram, pelo que são ideais para usar na parte superior quando o peito é pequeno e na parte inferior quando a anca é estreita.

 

5) estampados | Muito cuidado: os geométricos aumentam o volume, pelo que devem ser evitados por pessoas voluptuosas. Para um efeito adelgaçante, escolha modelos que criem a ilusão de verticalidade ou que marquem a zona mais estreita do seu corpo.

Agora é só encher-se de coragem e rumar às lojas!

Partilhar
Artigo anteriorJovem pombalense faz voluntariado no Líbano
Próximo artigoLiga contra o Cancro promove caminhada que quer entrar para o Guiness
Depois de se dedicar ao Jornalismo, decidiu aprofundar os seus conhecimentos numa vertente menos explorada ao longo da sua formação académica, a comunicação não-verbal. Após uma especialização em Lisboa em Consultoria de Imagem, lançou-se a título pessoal na área da Moda. No último ano, foi contratada pelo grupo Sonae para realizar serviços de Personal Shopping aos seus clientes, marcou presença na Vogue Fashion's Night Out, trabalhou no grupo Creative Concept como responsável pela gestão dos cursos leccionados e pelo departamento de Comunicação da Creative Academy e actualmente exerce funções enquanto Social Media Manager de eventos de Moda. Trabalha de perto com grandes marcas de luxo internacionais sediadas na Avenida da Liberdade e com designers portugueses vocacionados para noivas. Em Pombal tem uma parceria com a Quinta da Concha, o primeiro espaço da região dedicado a casamentos a disponibilizar os serviços de uma fashion adviser. Apesar de se mover na capital, tem especial gosto pelo trabalho com clientes da zona centro. Contactos: anarendalltomaz@gmail.com||www.facebook.com/anarendallstylist/