Biblioteca de Pombal disponibiliza novas tecnologias aos utentes

0
213

A Biblioteca Municipal de Pombal (BMP) apresentou na segunda-feira, 22 de Outubro, duas novas valências para maior aproximação dos utentes: o novo Cartão de Leitor Digital, e o Repositório Académico.

Nelson Mendes (ADEPES), Pedro Pimpão, Manuel Erse, Nelson Pedrosa (coordenador da biblioteca), Carla Longo e Élio Coimbra

Com recurso à tecnologia de QR Code, e integrado na APP do Município de Pombal, o Cartão de Leitor Digital foi criado com o objectivo de aproximar os mais jovens das bibliotecas e de agilizar o processo de requisição de livros e de consulta de informação nas fichas de leitor. Segundo o coordenador da BMP, Nelson Pedrosa, a medida foi inicialmente implementada “nas Bibliotecas Escolares da Escola Secundária de Pombal, Instituto D. João V e EBI da Guia”, e é agora alargada à Biblioteca Municipal de Pombal, e posteriormente será estendida a outros polos escolares do concelho.
Durante a apresentação do novo cartão de leitor digital, inserido nas comemorações do Dia das Bibliotecas Escolares, Nelson Pedrosa explicou que esta medida foi desenhada “para evitar situações” em que os “alunos perdiam os cartões”, e que resultava na necessidade de criar novos cartões, ou que impedia os alunos de requisitarem obras literárias. A aplicação do Município de Pombal poderá ser descarregada na Google Play e App Store.
No mesmo evento foi, ainda, apresentada uma nova valência da BMP, com a criação do Repositório Académico, que tem como objectivo “reunir, organizar, divulgar e preservar”, em formato digital, os trabalhos realizados, no âmbito da formação académicos, pelos estudantes pombalenses no Ensino Superior, resultantes das suas actividades de investigação, e no âmbito da realização de teses e dissertações de licenciatura, mestrado e/ou doutoramento.
Numa tentativa de aproximar antigos e novos estudantes universitário da nova plataforma, a Biblioteca Municipal de Pombal celebrou uma parceria com a Associação de Estudantes Pombalenses no Ensino Superior (ADEPES). Actualmente o Repositório Académico disponibiliza em formato digital seis trabalhos realizados por ilustres pombalenses, sendo que o objectivo é que “daqui a um ou dois anos a plataforma possa disponibilizar 100 ou 200 trabalhos”, ou “chegar mesmo ao milhar”, afinal “temos estudantes espalhados por todo o país”, que realizaram, ou estão a realizar, “trabalhos inéditos de muito valor académico”.
Para o coordenador da BMP, estas medidas pretendem “cativar novos leitores”, e deixa um apelo aos pombalenses, “para que passem pela Biblioteca e deixem os seus trabalhos ao dispor de toda a comunidade”.